Solenidade oficializa fim da intervenção municipal na Santa Casa

Secom-PMP

A Prefeitura de Penápolis realizou na tarde desta segunda-feira (24) uma solenidade especial para oficializar o término da intervenção municipal na Santa Casa de Misericórdia. A gestão do hospital, que é referência para toda comarca, estava sob a responsabilidade da prefeitura desde junho de 2015. A partir de hoje, o comando da instituição passa a ser oficialmente da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Penápolis.

O evento aconteceu no Paço Municipal, no gabinete do prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira, com a presença de integrantes do governo municipal, vereadores, membros da Irmandade e de clubes de serviço parceiros da Santa Casa, integrantes da Organização Social de Saúde Associação Hospitalar Beneficente do Brasil (contratada pela Irmandade), prefeitos da micro região, entre outros convidados.

Na oportunidade o prefeito Célio de Oliveira recordou as dificuldades enfrentadas nos quatro anos em que a prefeitura esteve à frente da gestão.

“No ano de 2015 tivemos que tomar uma decisão muito importante. Após a paralisação dos atendimentos na Santa Casa, precisávamos resguardar a população e garantir assistência de quem precisa. E foi isso que fizemos. Assinamos um decreto de intervenção que nos traria enormes obstáculos a transpor, mas que era a única saída para o povo”, lembrou-se.

“Hoje, ao encerrarmos a nossa gestão no comando da Santa Casa, temos o sentimento do dever cumprido, de ter feito tudo o que era possível para manter a unidade de portas abertas, atendendo com qualidade e respeito. Aumentamos os repasses mensais, que ultrapassam R$ 450 mil, os quais manteremos apesar do fim da intervenção”, destacou o prefeito.

Homenagem

“Mesmo com as finanças comprometidas, a Santa Casa recebeu diversos investimentos e melhorias, frutos de muito trabalho e parcerias importantes, como os clubes de serviço e empresas da cidade. Nossa gratidão a todos”, enfatizou.

Antes de transferir o comando do hospital, a administração municipal fez algumas homenagens, entregando certificados de reconhecimento pela valorosa contribuição à Santa Casa: Lions Clube, Rotary Clube de Penápolis, Rotary Clube XV de Março, Rotary Clube São Francisco, Associação de Senhoras de Rotarianos “Casa da Amizade”, Usina Diana, Usina Atena, Retesp, empresários Beto e Teté Colnaghi, engenheiro elétrico Alex Sandro Ferreira Mendes e a interventora Renata Cristina Vidal.

Ainda durante a cerimônia houve a entrega oficial da remodelação e modernização da lavanderia da Santa Casa, que passa a ser automatizada, com sistema elétrico inteiramente novo.

“Esperamos que este novo momento da Santa Casa possa propiciar o aumento dos convênios particulares, a implantação do hospital escola em parceria com a Funepe, a reclassificação da UTI de nível I para nível II e o reequilíbrio das contas, dando sequência ao trabalho que já iniciamos durante a intervenção”, concluiu Célio de Oliveira.

Irmandade

Nesta retomada da gestão do hospital, a Irmandade tem como presidente o médico veterinário e chefe do Serviço Municipal de Vigilância Epidemiológica e Sanitária, Vlademir Marangoni Filho, tendo ao lado como vice presidente o cartorário Jean Carlos do Nascimento.

Marangoni, que foi Governador do Rotary Distrito 4470 na gestão 2017/2018, atualmente ocupa também o cargo de Coordenador Assistente do Rotary (regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste). De acordo com ele, a Irmandade foi fortalecida com a chegada de novos membros.

“Pretendemos fazer um trabalho em conjunto com a comunidade, clubes de serviço e poderes Legislativo e Executivo. Nossa meta é dedicação e transparência. Estamos buscando a junção de forças entre a comunidade e o poder público”, afirmou.

“É um desafio que estamos encarando, mas temos convicção de que através da união de esforços vamos conseguir elevar cada vez mais o nível de atendimento técnico e resgatar a saúde financeira da Santa Casa”, declarou o novo presidente da Irmandade.

Fonte: Secom – PMP