Sicredi e Prefeitura evitam poluição de 133 milhões de litros de água na cidade de Birigui

Assessoria do Sicredi

O projeto Óleo das Abelhas da cooperativa Sicredi Alta Noroeste SP, em parceria com a Secretaria de Educação de Birigui, retirou 6.683 litros de óleo de cozinha e gordura animal do meio ambiente. Isso equivale a 133.000m³ de água não contaminados, que convertidos representam 133 milhões de litros.

Ainda em seu primeiro ano o projeto envolve 16 escolas municipais de Birigui, que participam do Programa A União Faz a Vida da cooperativa, iniciativa educacional que visa a prática de princípios de cooperação e cidadania através da metodologia de projetos. Essas unidades escolares receberam tambores para coleta e material de divulgação como folders e cartazes.

Junto a Secretaria de Meio Ambiente de Birigui, os colaboradores do Sicredi levantaram que em média 15 mil litros de óleo de cozinha são despejados mensalmente na rede de esgoto, o que impacta em 300 milhões de litros de água contaminados por mês.

“Esse número nos chamou muito a atenção. Ele é reflexo do descarte incorreto de óleo nas casas e comércios, poluindo a natureza e a cidade, causando até entupimento da rede esgoto. Nossa equipe apadrinhou cada escola e intermediamos uma empresa para retirar e comprar esse óleo arrecadado, cuja a renda é repassada diretamente à escola para necessidades físicas e pedagógicas,” explica o gerente geral da agência do Sicredi, José Carlos Rosa Júnior.

Segundo a colaboradora do Sicredi que coordena o projeto, Carolaine Pereira Fiorotti, ele continua em 2020 ampliando para mais escolas, buscando uma cobertura geográfica maior da cidade. A iniciativa quer tornar as escolas pontos de referências em cada comunidade, gerando maior consciência ambiental, em sintonia com os 17 ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU (Organização das Nações Unidas).

Fonte: PREFEITURA DE BIRIGUI/Texto e fotos: Assessoria do Sicredi