Saúde convoca crianças para atualização de vacinas

Secom-PMP

A Secretaria Municipal de Saúde convoca pais e responsáveis para comparecer nas unidades de saúde para verificação da carteirinha de vacinação das crianças de seis meses a menores de cinco anos. A ação faz parte da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo que acontece até o dia 25.

As vacinas estão disponíveis nas Macros I (Mutirão), II (Centro) e III (Santa Terezinha). Para verificar a situação vacinal das crianças, é fundamental a apresentação da carteirinha de vacinação. No próximo dia 19, um sábado, haverá o Dia D de Mobilização Nacional para vacinação em todas as unidades básicas de saúde, das 07h às 17h.

O enfermeiro do Serviço de Vigilância Epidemiológica, Alexandre Pereira Almeida, afirmou que a medida é uma forma de evitar o aparecimento de outras doenças. “Estamos diante do aparecimento de doenças que estavam erradicadas, como o sarampo, por isso, os pais e responsáveis devem ficar atentos ao calendário de vacina e proteger suas crianças”, explicou.

Com a apresentação da carteirinha de vacinação, os profissionais das unidades de saúde verificam se há ou não a necessidade de aplicação de vacinas. “Precisamos que todos tenham consciência de que as vacinas são extremamente importantes para proteger as crianças de graves doenças”, alertou Alexandre.

 “Contamos com a presença de todas as crianças da faixa etária de seis meses a menores de cinco anos nas unidades de saúde. Qualquer dúvida, os pais podem procurar uma das salas de vacina existentes nas Macros I, II e III”, concluiu.

Até o dia 25, está em andamento a da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo voltada à imunização de crianças. A vacina aplicada durante este período é a tríplice viral, que protege contra o sarampo, caxumba e rubéola

No período de 18 a 30 de novembro, será realizada a segunda etapa da Campanha. Serão vacinados jovens não vacinados na faixa etária de 20 a 29 anos. O Dia D com vacinação em todas as unidades de saúde será realizado em 30 de novembro.  

Fonte: Secom – PMP