Fundo Social de Penápolis já entregou mais de 1.000 cestas básicas

Secom-PMP
- Publicidade -

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania e o Fundo Social de Solidariedade de Penápolis têm trabalhado incansavelmente para atender as famílias que mais precisam, com a entrega de cestas básicas. Desde o início do ano, até a última sexta-feira (15), foram entregues 1.075 cestas básicas para as famílias que estão passando por momentos de dificuldades financeiras.

No mês de abril, a Prefeitura de Penápolis realizou um cadastramento das famílias para entrega de cestas básicas, regulamentado pelo Decreto nº6426/20. O benefício é destinado para as famílias de Penápolis, cuja renda máxima é de até um salário mínimo mensal, que não sejam contempladas com o auxílio concedido pelo Governo Federal. No total, foram inscritas aproximadamente 1.700 pessoas, porém, algumas não se enquadram nos requisitos, pois recebem o auxílio emergencial.

De acordo com levantamento feito pelo Fundo Social de Solidariedade, nos meses de janeiro e fevereiro – antes do anúncio da epidemia no Brasil – foram entregues 272 cestas para as famílias carentes. A partir de março, com a pandemia instalada, já foram entregues mais de 800 cestas básicas para as famílias penapolenses em situação de vulnerabilidade social.

A presidente do Fundo Social, Tudinha Fonseca, explica que foi feita a análise de todas as famílias inscritas no cadastramento, para que a cestas fossem realmente destinadas para aquelas que atendessem todos os critérios do decreto. “Depois disso, o Fundo Social entrou em contato com cada família cadastrada para que fosse retirar a cesta básica. Cerca de 70 cestas foram entregues diariamente no Fundo Social, nos últimos dias”, comentou Tudinha.

Doações

Assim que anunciada a pandemia de Covid-19, a Secretaria de Assistência Social efetuou a compra de 350 cestas básicas e o Fundo Social comprou mais 200 cestas para as famílias carentes, com recursos de eventos realizados anteriormente. O restante das cestas básicas são provenientes de doações de empresas penapolenses e da população em geral, que aderiu à campanha da prefeitura, destinando gêneros alimentícios para aqueles que mais precisam.

Vale ressaltar que o Fundo Social também recebe doações de outros tipos de alimentos, como leite, ovos, legumes, verduras, que são imediatamente repassados às famílias cadastradas no momento em que retiram a cesta básica.

Seriedade

O prefeito Célio de Oliveira destaca que o trabalho de distribuição de cestas básicas é feito com muita seriedade pela Assistência Social e Fundo Social de Solidariedade. “A presidente do Fundo Social, Tudinha Fonseca, sempre desenvolveu um trabalho sério, competente, buscando sempre ajudar as famílias carentes, mesmo muito antes da pandemia”, comentou.

Vale salientar que Fundo Social efetua esse trabalho o ano todo, auxiliando as famílias carentes com a distribuição de cestas básicas e também cestas de Natal.

Fonte: Secom – PMP

- Publicidade -