Emef Elza Nadai realiza projeto Sacola Literária com os alunos

Secom-PMP

Que criança não gostaria de receber uma sacola personalizada com livro e caderno para levar pra casa e depois compartilhar a aventura literária com os amigos? Pois então, essa é a proposta do “Projeto Sacola Literária”, realizado na Escola Municipal de Ensino Fundamental – Emef Profª Elza Nadai Silvino.

Através desse projeto, os professores conseguem estimular o gosto pela leitura de seus alunos e ainda fazer com que os pais e familiares participem desse importante momento de aprendizado da criança.

Todas as salas do 1º ao 5º Ano participam do Projeto, até mesmo os alunos que ainda não foram alfabetizados levam para casa os livros indicados pelos professores. A data de devolução fica a critério do professor, mas é importante que a criança faça um resumo da história no caderno enviado junto com o livro, ou escreva a parte que mais gostou ou ainda faça um desenho do livro que acabou de ler.

“Para as crianças que ainda não são alfabetizadas, os familiares podem ajudar na leitura em casa e na orientação da escrita. O mais interessante é que na devolução da sacola, a criança conta para a professora e aos colegas da sala a história que acabou de ler”, comentou a coordenadora pedagógica da escola, a professora Angélica Garcia.

Neste ano, as sacolas literárias trazem o tema “Chapeuzinho Vermelho”, decoradas com as personagens do conto de fadas e confeccionadas com muito carinho pela equipe escolar.

Rodízio de livros

Segundo explicou a diretora da escola, Simone Elaine Gomes de Andrade, cada sala de aula tem a sua sacola literária e o professor escolhe o livro que será enviado e o aluno que o levará para a casa. “Dessa forma, há um rodízio de livros e alunos, de tal forma que a cada vez que a sacola é enviada, tem um livro novo e uma criança diferente que fará a leitura junto com sua família. E no final, todos contam para os colegas da sala a história lida. Assim, conseguimos ampliar o conhecimento das histórias e estimular o gosto pela leitura”, concluiu a diretora.

A Emef Elza Nadai Silvino atende cerca de 290 alunos distribuídos em 11 salas do 1º ao 5º Ano do Ensino Fundamental, com faixa etária entre 6 e 11 anos. Vale destacar que os livros infantis são escolhidos antecipadamente pelos professores e coordenação da escola, de acordo com a faixa etária e ano escolar dos alunos.

No geral, são livros de histórias infantis, entre obras clássicas e modernas que despertam a imaginação e criatividade das crianças. Além de conhecer as histórias, os alunos ainda conferem quem são os autores e ilustradores dos livros que estimulam a imaginação e aprendizado das crianças.

Fonte: Secom – PMP