Del Rey e Vila Gardim recebem melhorias do RecaPenápolis

Secom-PMP

Nos últimos dias a Secretaria Municipal de Obras e Serviços de Penápolis promoveu a melhoria da pavimentação asfáltica em diversas ruas dos bairros Jardim Del Rey e Vila Gardim. A ação faz parte do projeto RecaPenápolis, envolvendo recursos próprios do município para recuperação de trechos deteriorados e melhoria da trafegabilidade. Nesta etapa a Prefeitura investiu no total R$ 283.310,00 para recapear 8.066 metros quadrados de ruas.

No bairro Del Rey, as ruas beneficiadas pelo trabalho são a rua Luiza Maria Bernardes Nory (trecho entre as avenidas Soldado PM Guerino Polonio e Avelino Bilche Filho), e rua Mário Bis (entre as avenidas José Paulo do Valle e Soldado PM Guerino Polonio).

Outra rua do bairro também está na programação e deverá passar pela melhoria até a próxima sexta-feira; trata-se da rua Justo Giacomeli (entre as avenidas Avelino Bilche Filho e Soldado PM Guerino Polonio).

Custo

De acordo com a Secretaria de Obras, no trecho da rua Luiza Maria Bernardes Nory a prefeitura investiu um total de R$ 66.150,00 para contemplar 1.890 metros quadrados de recape.

Já na rua Mário Bis foram recapeados ao todo 1.485 metros quadrados de asfalto, perfazendo um investimento de R$ 51.975.  Na rua Justo Giacomeli, que será feita até o final desta semana, a Secretaria de Obras fará a recuperação de 1.575 metros quadrados, correspondentes ao investimento de R$ 55.125,00.

Vila Gardim

Trechos de outras duas ruas no bairro Vila Gardim também foram contempladas pelo projeto nesta etapa. Uma delas é a avenida José Bonifácio (entre as ruas Dr. Ramalho Franco e Dr. Mário Sabino), perfazendo 1.640 metros quadrados de recape. O custo para o trabalho neste trecho foi de R$ 57.400,00.

A outra via é a avenida Maria Lúcia (entre as ruas Dr. Ramalho Franco e Dr. Mário Sabino. O trecho possui 1.476 metros quadrados, e o custo de recape é da ordem de R$ 51.660,00.

No caso das vias recapeadas na Vila Gardim, a melhoria beneficiará os motoristas especialmente pelo fato do aumento no fluxo de veículos, ocasionado pelas recentes alterações de trânsito (sentido de direção) nas imediações.

Fonte: Secom – PMP