COVID-19: Além do teste rápido, pacientes com sintomas farão exame SWAB

Secom-PMP

A partir de segunda-feira (27), todos os pacientes que apresentarem sintomas de Covid-19 e procurarem atendimento médico na rede pública de saúde passarão por exame diagnóstico de SWAB, o RT-PCR, além do teste rápido. A medida é uma determinação do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo para ampliar a testagem da população.

Anteriormente, a coleta de SWAB era realizada apenas em pacientes em internação hospitalar, profissionais da segurança pública, da limpeza pública, de transporte público, pessoas acima de 60 anos e pessoas com comorbidades, desde que apresentem os sintomas da doença.

Coleta

A coleta do exame RT-PCR será realizada em todas as unidades de saúde mediante ao agendamento prévio. O exame deverá ser coletado nos pacientes que apresentarem os sintomas e passarem por atendimento médico, somente entre o terceiro e o sétimo dia, contados a partir do início dos sintomas. Por isso, é necessário que os pacientes respeitem a data agendada e às orientações dos profissionais da saúde.

Todos os pacientes sintomáticos ainda farão o teste rápido sorológico que detecta a presença de anticorpos IgM/IgG contra o vírus. Esse exame será feito a partir do 14º dia do início dos sintomas. O exame também é agendado nas unidades de saúde.

Nesta quinta-feira (25), enfermeiros e profissionais das unidades de saúde do município participaram de uma reunião para tratar do novo protocolo de testagem. As orientações foram ministradas pelo enfermeiro da Vigilância Epidemiológica, Alexandre Pereira Almeida.

O enfermeiro explicou que os exames são complementares e esta é uma estratégia para que os órgãos de saúde definam as medidas preventivas e de controle da doença. “Ampliar a testagem da população é a ferramenta para levantar o real estágio da doença do município”, explicou.

Orientações

O secretário de Saúde, Wilson Carlos Braz, ainda explicou que os exames coletados são enviados ao Laboratório Adolfo Lutz, órgão oficial do estado de São Paulo. “Como a medida é válida para todo o estado de São Paulo, avaliamos que haverá um enorme volume de exames e, consequentemente, um atraso para a entrega dos resultados”, avaliou.

“Por isso, é fundamental que todas as pessoas sintomáticas respeitem as orientações dos profissionais de saúde, se mantenham em isolamento social até a recuperação. Só com a consciência e respeito de cada um, conseguiremos passar por este período de pandemia”, finalizou o secretário de saúde.

Fonte: Secom – PMP