Com aval do STF, prefeito quer abrir comércio com regras de higienização contra a Covid-19

PREFEITURA DE BIRIGUI/Assessoria de Imprensa

O prefeito de Birigui, Cristiano Salmeirão, informou na manhã deste sábado, 18 de abril, que pretende encontrar uma maneira legal para abrir o comércio, desde que exista um regramento para o enfrentamento e o combate ao novo coronavírus.

Em recente decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), foi garantida autonomia a prefeitos e governadores determinarem medidas para o isolamento social, entre elas o fechamento ou não do comércio e outras restrições.

Em “live” feita no seu Facebook na última sexta-feira, 17, Salmeirão lembrou que tentou abrir o comércio por duas vezes em Birigui, porém foi recomendado pelo MP/SP (Ministério Público de São Paulo) a fechar as portas com relação aos decretos municipais de autorização de funcionamento de óticas, salões de beleza e cabeleireiros.

“Temos casos nas cidades de Rio Preto e São José dos Campos, onde as prefeituras anunciaram flexibilização das regras de isolamento e ampliação da lista de serviços que podem funcionar”, citou o prefeito à assessoria de imprensa da Prefeitura de Birigui.

REUNIÃO – Cristiano Salmeirão disse que na próxima quarta-feira, dia 22 de abril, deverá estar reunido com promotores de justiça do município. A meta do encontro será para tratar da possível abertura do comércio de Birigui, desde que com algumas regras.

“É possível conviver com o comércio aberto e fazendo o isolamento social. Só irão ao comércio quem realmente necessitar, sendo apenas um membro da família, fazendo um revezamento na entrada do estabelecimento, que deverá utilizar máscaras, luvas e fornecer álcool em gel”, disse o prefeito de Birigui.

“Temos que seguir as orientações da Organização Mundial de Saúde e fazer uma flexibilização preservando a saúde das pessoas. A saúde é fundamental, porém a saúde financeira do comércio também deve receber atenção”, citou.

Em recente pesquisa do Sistema de Monitoramento Inteligente do Estado de São Paulo, o município de Birigui foi destaque regional com 50% de isolamento social.

“O isolamento deve continuar, porém podemos ter um regramento para a flexibilização do funcionamento do comércio”, salientou Salmeirão.

Além do isolamento social destaque na região, Birigui está entre as cidades com o menor número de infectados pelo coronavírus. Junto com a Acib (Associação Comercial e Industrial de Birigui), vamos preparar cartilhas de como atender o público nesse período de enfrentamento a doença. Todo esse trabalho está sendo feito em conjunto com o Comitê Municipal de Crise e Enfrentamento a Covid-19, Secretaria Municipal de Saúde e profissionais da Santa Casa”, completou o prefeito.

Fonte: PREFEITURA DE BIRIGUI/Assessoria de Imprensa